História da Cidade

A história de Senador Canedo está relacionada com a construção da estrada de ferro da Rede Ferroviária Federal (RFFSA), na década de 30. O crescimento do município ocorreu juntamente com a construção da via férrea, que atraiu as primeiras famílias de trabalhadores, oriundos de Minas Gerais e Bahia. A Fazenda Vargem Bonita, de propriedade do Senador Antônio Amaro Canedo, foi local escolhido para montar os acampamentos que acolheram os trabalhadores, dando início à povoação. Próximo à estação ferroviária sugiram a zona central e os primeiros estabelecimentos comerciais.

Hoje a estação da Ferrovia Centro Atlântica, nome que recebeu a empresa após a privatização da RFFSA em 1996, pertencente à Companhia Vale do Rio Doce, ainda responde pela geração de parte da riqueza de Senador Canedo. Entretanto, nesse mesmo ano começou a operar no município o terminal da Braspetro, uma subsidiária da Petrobrás. Trata-se do ponto de entrega em Goiás do poliduto, responsável pelo transporte de combustível da Refinaria de Paulínia, em São Paulo, com 780 quilômetros de extensão. Outro ramal segue para Brasília, ampliando a extensão para 980 quilômetros. Por causa desse terminal, Senador Canedo está entre os municípios que mais arrecadam Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no Estado. Próximo à Transpetro se instalaram distribuidoras regionais de combustíveis (Aster Petróleo e Realpetro são alguns dos principais arrecadadores de ICMS) fato que contribuiu para ampliar a arrecadação do imposto. O ponto de entrega de Senador Canedo abrange o mercado de distribuição de combustíveis das grandes distribuidoras: Shell, Texaco, Ipiranga, Agip e BR, instaladas no pólo do Setor Novo Mundo, na vizinha Goiânia, e ainda as distribuidoras regionais. É atendido todo o mercado do Centro-Oeste, com exceção de Brasília e da Região do Entorno do Distrito Federal.

Senador Canedo integra a Região Metropolitana de Goiânia e foi distrito da capital até 1988, data da Lei 10.435 que emancipou o município. De acordo com o IBGE, possui população de cerca de 100 mil habitantes, número que vem crescendo a taxas geométricas superiores às do Estado. Entre 1996 e 2000 sua taxa de crescimento foi de 4,66%, contra os 2,60% verificados para o Estado de Goiás.

O município tem 244,70 quilômetros quadrados de área. Um dos municípios que mais crescem em Goiás Senador Canedo tem hoje pouco mais de 100 mil habitantes. Situa-se na Região Metropolitana de Goiânia e abriga o maior Pólo Petroquímico do Centro-Oeste brasileiro. Tem localização geográfica privilegiada, com acesso aos principais centros de distribuição de passageiros, cargas e de comercialização, mão-de-obra capacitada e política de incentivos. O desenvolvimento econômico e social é tido como referencial da administração pública para o crescimento da cidade.

Senador Canedo é hoje a terceira maior arrecadadora de ICMS e a quinta mais competitiva, de acordo com dados da Secretaria de Planejamento do Estado. Localização estratégica Fácil acesso a importantes rodovias de integração estadual e federal, com ligação ao Porto Seco de Anápolis e ao Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia, importantes centros de distribuição do Estado. Potencialidades de mercado: A cidade fica a 180 quilômetros de Brasília e a 900 quilômetros de São Paulo. Tem população estimada em pouco mais de 100 mil habitantes, além de integrar a Região Metropolitana de Goiânia, que soma cerca de 1, 8 milhão de habitantes, mais de 32% da população do Estado. Essa realidade lhe confere a condição de mercado de grande potencial.